sábado, 16 de junho de 2007

TREINAR ADEQUADAMENTE

Treina moderadamente
O corpo tem limites, não tentes encontrá-los muitas vezes. Não queiras acabar todos os dias exausto. O grande erro da maioria dos atletas, é entusiasmarem-se e transformar os treinos, que deveriam ser de recuperação, em competições. Quanto maior o nível de forma, maior deve ser a diferença de intensidade entre os dias fáceis e os difíceis.

Treinar consistentemente
O corpo humano necessita também de rotina nos esquemas de treino para conseguir uma melhor adaptação ao esforço. Isso é possível com um padrão de treinos que seja estruturalmente igual, durante várias semanas. A variedade também é importante.

Descansa adequadamente
O descanso é mais importante que o treino. É durante o descanso que o corpo se adapta ao trabalho anteriormente realizado. E quanto maior a carga, maior e melhor terá que ser o descanso. E quanto mais jovem é o ciclista mais horas de sono precisa.

Treinar em grupo esporadicamente
Este é um princípio fundamental: a individualização. Treinar em grupo obriga a andar rápido quando precisar de recuperação ou fazer mais ou menos horas do que o grupo decidiu fazer. No entanto, treinar em grupo melhora a habilidade e a destreza para andar em pelotão. No período de pré-temporada, no inverno, em que os treinos não são tão específicos, é interessante arranjar um grupo que ande num ritmo confortável.

Treinar com objectivos
Crie objectivos. Treinar sem objectivos é como andar à deriva. A moral, a concentração e a força anímica para realizar os treinos é maior se estiver pensando que o trabalho que estás realizando tem um determinado objectivo.

Trabalhar os seus pontos fracos
A maioria dos ciclistas gasta demasiado tempo a trabalhar aquilo em que já são bons. O segredo de um bom esquema de treinos está na diversificação do trabalho, é claro, sempre levando em conta a especialidade do ciclista.

Confiar nos seus treinos
Existem ciclistas, que no dia antes de iniciarem uma competição importante, fazem um treino de grande volume, porque pensam que irão estar em melhor forma física. Algumas vezes são necessários de 10 a 21 dias para o organismo estar totalmente recuperado e iniciar uma corrida exigente, dependendo da dureza dos treinos efectuados anteriormente.

Escutar o corpo
Um plano pode estar traçado para vários dias. Mas é preciso interpretar as sensações. A verdade é que dever-se-á saber tomar decisões na altura certa, mesmo que tenha que fazer pequenas alterações ao plano inicial.

Comprometer-se a atingir objectivos
Talvez seja o mandamento mais complicado para alguns ciclistas, principalmente os mais jovens, quando têm que renunciar a um determinado estilo de vida para melhorarem o seu rendimento, como deitar mais cedo, ter uma alimentação equilibrada, entre outras coisas.

FONTE
http://www.portalbtt.com/

ribas
façam comentários aqui ↓

1 comentário:

gms disse...

Bons Conselhos!!

Aquele Abraço, Amigo!
V. Gomes